Educação Ambiental e Conservação da Natureza

Bonito, Mato Grosso do Sul

Se você quer ajudar um projeto a tirar algumas ideias do papel e dar uma mão no administrativa esse é o projeto ideal! O objetivo do projeto é incentivar a educação ambiental em Bonito, cidade reconhecida como o melhor destino de turismo responsável do mundo.

Em 1999 um grupo de pesquisadores, guias de turismo, empresários, moradores ribeirinhos e produtores rurais se reuniu para buscar soluções para as questões ambientais que Bonito enfrentava.  Desse encontro surgiram diversas ações voltadas para a sensibilização e mobilização dos moradores para preservar o rio Mimoso.  

Depois de vários anos, mas com o mesmo intuito, surge então o Instituto das Águas da Serra da Bodoquena – IASB com o foco na recuperação florestal e na educação ambiental. Com esse objetivo, os projetos desenvolvidos pela instituição envolvem esses temas, por acreditar na importância da manutenção das matas nativas, dos recursos hídricos e na capacidade de mudança do ser humano através da educação. 

A equipe atual do IASB não tem muita experiência, mas tem muito amor pelo que faz, perceptível pela força de vontade, perseverança, criatividade, dentre diversos outros valores que relevantes também para o voluntário que quiser participar! 

Além disso, outro objetivo do IASB é favorecer o processo de aprendizagem e ao mesmo tempo permitir a formação de uma consciência ambiental voltada para preservação e respeito à natureza da comunidade. São realizados, feiras, mutirões, eventos e concursos para ampliar essa conscientização. 

Para que esse o desafio seja sustentável e dinâmico, são realizadas campanhas e atividades de educação ambiental envolvendo escolas, instituições públicas e privadas, proprietários rurais, comunidades ribeirinhas e demais interessados, e são com essas atividades que o voluntário irá se envolver. 

Em períodos específicos do ano, além da rotina administrativa, o trabalho da instituição é concentrado em diversas ações:
             • Época chuvosa (novembro a março): plantio de mudas
          • Época seca (abril a outubro): visitas de novas propriedades rurais a serem atendidas e divulgação de boas práticas ambientais
              • Fevereiro/Março: Organização, preparo e desenvolvimento da Semana da Água
              • Abril/Maio/Junho: Organização, preparo e desenvolvimento da Semana do Meio Ambiente
              • Setembro: Organização, preparo e desenvolvimento da Semana da Árvore
              • Setembro/Outubro: Organização, preparo e desenvolvimento da Semana dos Animais
              • Quinzenalmente: Vistorias da rede de contenção de resíduos e Coleta de sementes
              • Mensalmente: Monitoramento da qualidade da água e produção de mudas

  • Grandes conquistas do instituto:

 O programa de jovens multiplicadores, dá um direcionamento vocacional para a primeira graduação desses jovens, muitos deles conseguiram entrar no mercado de trabalho, além de vários depoimentos sobre sua mudança de comportamento para diversas questões após conhecer e ter contato direto com a instituição.
 Proporcionamos à comunidade experiências que não são acessíveis no dia a dia deles, como visitas técnicas em pontos turísticos, acesso a algum aplicativo, vivências por meio da realização de brincadeiras, interações, dentre outras, que são feitas.
 Produtores rurais são parceiros do IASB e é crescente a demanda por mudas de árvores nativas, demonstrando que confiam no trabalho e no discurso para conservação da natureza.
 As ações educativas em datas temáticas reúnem de 1.000 a 3.000 participantes por vez.
 Coleta de boa parte dos resíduos sólidos que escorrem pelas águas dos córregos urbanos, através dos programas de preservação dos rios.

 

O voluntário irá trabalhar em horário comercial: 7h às 11h e das 13h às 17h de segunda à sexta. Ocasionalmente o voluntário poderá ajudar com atividades aos finais de semana. O voluntário pode ajudar o projeto em algumas grandes frentes:

Administrativo
Apoio e suporte nas atividades do IASB
Captação de recursos financeiros
Atualização do site e planejamento de ações para as mídias sociais
Organização e catalogação da biblioteca comunitária
Organização e catalogação dos materiais de eventos guardados na sede física;
Organização de eventos e concursos anuais (Semana da Água, Semana do Meio Ambiente, Semana da Árvore e Semana dos Animais)
Apoio na participação de eventos e feiras do Instituto
Arrecadação de doações e fundos para realização das atividades do Instituto

Educação Ambiental
Oficina com Professores 
Palestra de sensibilização com os alunos 
Visitas técnicas 
Elaboração de cartilhas e materiais didáticos 
Caminhada ecológica 
Doação de mudas nativas 
Mutirão de limpeza nas escolas e ruas de Bonito  
Formação de jovens multiplicadores do princípio da conservação do meio ambiente 
Montagem da ambientação da Feira Socioambiental de Bonito 
Apoio para sensibilização de moradores locais (visitas porta a porta) nos bairros que margeiam os córregos urbanos 

Conservação da Natureza
Coleta de sementes
Manutenção do viveiro
Apoio na produção de mudas nativas
Construção de canteiros e de sementeiras
Produção de substrato orgânico através da compostagem e adubação verde
Transferência das mudas para os recipientes definitivos
Controle de doenças, pragas e ervas daninhas
Apoio às iniciativas de recuperação de áreas degradadas, através da comercialização de mudas e informações técnicas para a formação
Plantio de mudas
Promoção de campanhas, atividades de educação ambiental e capacitação dos funcionários para o aumento da produção de mudas com alta qualidade

Um grande diferencial é a habilidade de ministrar cursos/oficinas à professores e técnicos, focados na temática ambiental, como: reaproveitamento de materiais, práticas de educação ambiental, restauração florestal, dentre outros.

É importante observar que dependendo da época do ano, o voluntário poderá passar mais de 50% de seu tempo nas atividades administrativas. Além disso, as atividades acima servem apenas como exemplo. As tarefas diárias e os desafios dependem da proatividade do voluntário e do trabalho que precisa ser realizado de acordo com a necessidade do projeto, no momento do programa do voluntário.

 Pré-requisitos: Gostar de ações ambientais e ter mais de 18 anos. O voluntário deve ser bastante flexível e estar disposto a ajudar em qualquer frente das atividades que tiverem acontecendo no projeto. Biólogos, engenheiros florestais, ecólogos e demais profissionais da área são muito bem-vindos. Voluntários com habilidade em educação podem fazer a diferença nesse projeto!

 Duração: A partir de 1 até 4 semanas.

 Dia de chegada: O voluntário pode chegar em qualquer dia da semana.

 Quando ir: O projeto está aberto o ano inteiro, exceto nas duas últimas semanas de dezembro a as duas primeiras semanas de janeiro.

 Vacina: É necessária vacina contra febre amarela e todas as vacinas do calendário brasileiro de vacinação.

Os voluntários serão acomodados em um hostel perto do centro da cidade de Bonito, em quarto e banheiros compartilhados. Há também a opção de ficar em quarto e banheiro privado por um  valor adicional. A localização da pousada é ótima, você estará perto do centrinho da cidade, perto de mercados, bares e restaurantes. Para ir ao projeto, será uma caminhada de 15 minutos.  

VALORES CONFORME ACOMODAÇÃO E TEMPO DE PERMANÊNCIA

BAIXA TEMPORADA (março-junho e agosto-novembro)

1 semana 2 semanas 3 semanas 4 semanas
R$1.690,00 R$2.590,00 R$3.490,00 R$4.390,00

ALTA TEMPORADA (dezembro-fevereiro, julho e feriados)

1 semana 2 semanas 3 semanas 4 semanas
R$1.990,00 R$2.990,00 R$3.990,00 R$4.990,00


FORMAS DE PAGAMENTO
Os valores podem ser parcelados em até 12x sem juros no boleto bancário, contanto que a última parcela seja paga 35 dias antes da viagem, ou em até 12x no cartão de crédito com juros cobrados pela operadora de cartões.

O que está incluido?

Acomodação em quarto e banheiro compartilhado

 Café da manhã

Toda documentação, colocação e ligação com o projeto escolhido

Assistência local durante o programa

Doação para o projeto

Certificado do programa se necessário

Kit viagem com camiseta e outros acessórios

O que não está incluído:

Taxa de inscrição (US$90)

 Passagem aérea

Seguro viagem

Transfer de chegada e partida (de/para Campo Grande = R$100,00 ou de/para o aeroporto de Bonito = R$50,00; por pessoa, por trecho)

 Almoço e janta

 Lavanderia

 Gastos pessoais

Por que é pago?

Por que o trabalho voluntário é pago? Sua viagem envolve custos com transporte, orientação, hospedagem e alimentação. Os projetos sociais que apoiamos não conseguem arcar com esses gastos sozinhos e alguns recebem como doação parte da taxa que cobramos para manterem suas atividades. Também há uma taxa de administração que cobre impostos, campanhas de marketing, apoio aos voluntários, gastos com comunicação e inspeções dos projetos.

Tenho Interesse Voltar Inscreva-se

Preencha o formulário a seguir:

País Projeto
Nome completo: Celular:
Email:
Quando pretende viajar?